Begónia
Camélias
Cravos comuns
Cravos da China
Cravos do Poeta
Crisântemos
Dente de leão
Flor de lótus
Gerbera
Jacintos
Jasmim
Lavandas
Lilases
Magnólia
Margaridas
Narcisos
Rosas de Natal
Rosas de Porcelana
Rosas do Deserto
Rosas Vermelhas
Túlipas
Comunicando com as flores
História das Rosas
História dos girassóis
Significado das flores
Tratamento de flores
Desenhos para colorir
Fotos de camélias
Fotos de cravos
Fotos de flores
Fotos de girassóis
Fotos de lavandas
Fotos de narcisos
Fotos de ramos de flores
Imagens de flores
Imagens de lilases
Imagens de margaridas
Imagens de rosas
Imagens de túlipas
Fundos de ecrã de flores
Wallpapers de flores
 

Rosas de Porcelana


Planta da família das Zingiberaceaes e originária da Ásia (Malásia e Indonésia). É uma planta que pode alcançar os 6 metros de altura na Natureza e entre os 2 a 3 metros em vazo. A sua folhagem é resistente e parece a de bananeira. Podemos cultivá-la num vaso com a única condição de ter um tecto longo, devido à altura que a planta cresce.

As flores crescem no Inverno em zonas não muito calorosas e durante todo o ano em climas tropicais húmidos. As flores são de cores sólidas ou degradadas do amarelo ou laranja vivo ao púrpura escuro. São muito utilizadas em ramos de Natal. Uma terra de mistura com areia fica perfeita com esta planta. Gosta do calor e da humidade mas nunca o sol directo numa atmosfera seca.

Rosas de Porcelana Imagens de Rosas de Porcelana

O replante é realizado no mês de Abril. A rega tem de ser controlada, especialmente durante o Verão. A partir de Setembro temos de reduzir as quantidades de água e fertilizante aplicada. Devemos deixar a terra secar durante as regas. Pode chegar a apodrecer se aplicarmos água em excesso no Inverno.


 
Condições de uso Contacte-nos